domingo, 27 de fevereiro de 2011

Como e nem pio

Geralmente sou muito acarinhada pelos meus clientes. Muito mesmo. Sem modéstias, confesso que mereço todo este mimo, pois sou uma miúda que trabalha que se farta. Oferecem-me algumas prendas, viagens incluídas (uau!!), e muita comida, bebida e café, que é bom ter o estômago reconfortado enquanto se trabalha. Como não há bela sem senão, não imaginam o meu pânico quando, de surpresa, me servem algo( me põem à frente, literalmente) que não gosto. O cliente com simpatia estampada no rosto e eu, já com suores, a pensar como vou recusar. A maior parte das vezes não tenho coragem. Não consigo fazer essa desfeita. Esta postura tem-me valido umas quantas más disposições. Ainda assim, não me parece que o cenário vá mudar.

5 comentários:

Sex na Cidade disse...

uau isso é que é ser corajosa!! =)

Maria

Taberneiro disse...

CORAJOSA! Por não recusar...

Suspiro do Norte disse...

Já sabe, quando for aí alguma menina do sistema informático, ofereça-lhe algo :) mas deixe que seja ela a escolher... :)))

Tilida5ever Design-Rosinha disse...

Essas pessoas são tão boas que se ofendem se recusarmos algo...

Suspiro do Norte disse...

Mesmo.. e quando são daqueles velhotes simpáticos que parecem ganhar o dia só pq os visitamos... Nao consigo mesmo fazer a desfeita.