quinta-feira, 24 de setembro de 2009

5 anos e 4 meses depois..














O O. mal consegue segurar o coração. Cinco anos e quatro meses depois, vê o seu nome na lista de transferências para o Porto. Para trás ficam meses solitários, viagens constantes, os meus três anos em Lisboa para enganar o tempo, as noites mal-dormidas. Os vizinhos simpáticos, o senhor do café com o seu bom-dia sempre animador. Fica uma Reboleira acolhedora, uma Amadora cinzenta, uma Cova da Moura dona e senhora , um 6 de Maio labiríntico. Ficam os horários loucos, a vida mal-vivida, os companheiros de e para sempre. Os momentos de tensão, as horas vagarosas, os momentos quase chorosos pelas fatalidades do trabalho. Para trás fica também a madrugada de 24 Novembro, o amor cego pelo trabalho, pela camisola que se veste, o tiro. Consigo trás momentos que fazem dele quem é hoje, que o realizaram enquanto profissional e que sabe não voltarem a repetir-se. Com o coração feliz, mas tristemente saudosista, sabe que uma nova etapa começa. Para ele, para nós e para mais duzentas famílias, que tal como eu respiram de alivio.

7 comentários:

Andreia disse...

Os momentos de mudança na nossa vida trazem sempre consigo muitas dúvidas e incertezas... Mas calculo que este seja um momento muito esperado por voces, por isso desejo-vos muitas felicidades nesta nova fase! ;)
bjnho
Andreia

Anónimo disse...

Olá Suspiro!Como te entendo, à 19 meses estava a sentir o mesmo que tu.Só quem passa por isto é que consegue dar o devido valor, é uma sensação de alivio tão grande!!Agora os companheiros já estão todos no Porto!!Temos que fazer uma jantarada para comemorar. Beijinhos S.V.

Mr. Me disse...

Suponho que merecem um parabéns por agora estarem juntos de novo. Todos os dias.

Que bom para vocês! Fico muito contente!

Beijinho ;)

Sara. disse...

És, sem dúvida, uma pessoa de sorte. Eu, a minha mãe e o meu irmão esperamos isso há +/- 14 anos.
E temos a certeza que o dia não vai chegar, só mesmo quando vier de vez. Mas foi assim, e nem por isso não sabemos viver.

Beijinho e parabéns, também. :)

BlueAngel disse...

Parabéns a todos por tudo. Agora a felicidade continua aí bem pertinho de vós. :-D Olha e a Amadora tem partes que não assim tão cinzentas, 'tá? :DDD beijoca laroca

Summer disse...

Uiii que bom!! =) Fiquei feliz por ti! =)

Mas, acho que é o O. a voltar e eu a ir :S !! Tenho algum receio e sinceramente, não sei s estou preparada. Mas a vida não nos prepara, atira-nos aos lobos!

beijooo*

Lolita disse...

Quando li este post fiquei com a sensação que havia ali algo de familiar. Andei uns meses para trás, e percebi que havia mesmo, afinal de contas eu também tenho alguém que veste a mesma camisola que o teu O. E compreendo quando falas dos meses solitários, das horas vagarosas, das suas vidas mal vividas. E também sei que como eu vives numa "angústia" constante com medo que o telemóvel toque. O meu M. ainda lhe falta alguns anos para a transferência para o Porto (vai fazer 2 anos em Dezembro que anda nestas andanças) mas está ansioso de poder ir para o Norte. Beijinho*
ps - encontrei por acaso o teu blog à pouco tempo, mas gostei.