quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Dos tiques nervosos

Eu tenho um. Terrível. Esgadanho a cara toda. Quando estou nervosa então, é ver-me com a mão no rosto minutos a fio. É automático. O que ainda conseguiu piorar quando deixei de fumar. O O. está-me sempre a chamar a atenção. Os meus pais também. Mas é mais forte que eu. E faz-me tão mal.

3 comentários:

Nokas disse...

Oh mulher tem lá calma :)

...Ju... disse...

mexe antes numa caneta/papel...

Fernando Lopes disse...

Não é a única. Eu, em noites de sonhos, arranho a testa toda. Já me perguntaram se a minha mulher me bate ou se luto com gatos. Nem uma coisa nem outra. Deve ser, também, a angústia dos pesadelos materializada.